DONA MARIA DO CARMO – PARAISÓPOLIS MG


“Eu era muito presa, né? Meu pai com a minha mãe eram muito severos… Aí e falei, quando eu casar vou me libertar… Minha mãe falava assim, quando você casar, seu marido é que vai tomar conta de você e eu pensei comigo… Tá bom, eu que vou tomar conta de mim, vou ser dona do meu nariz… e realmente, eu me libertei, o casamento meu foi uma libertação…”

Marcado com , , , , , , , ,

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: